Continua a guerra de palavras entre Dana White e Cris Cyborg

Cris Cyborg foi uma das estrelas do UFC 240 no último sábado, vencendo a norte-americana Felícia Spencer por decisão unânime no co-main event da noite. Porém, este era apenas um pontapé inicial de uma grande novela envolvendo a renovação de contrato entre Cyborg e o Ultimate, algo que ainda promete levar um tempo e muitas farpas de ambos os lados.

Logo após a luta do último sábado Cris Xyborg fez um desafio ainda dentro do octógono a Amanda Nunes, desfio prontamente aceito por Amanda e com data escolhida por ambas para acontecer. Porém, em entrevista à ESPN norte-americana o presidente do UFC Dana White foi categórico em suas críticas e deixou claro que não espera que este combate aconteça em um futuro próximo:

– “Cyborg está nessa há muito tempo. Na minha opinião sincera, Cyborg se vê no crepúsculo de sua carreira, e acho que ela queria algumas lutas mais fáceis. E não há nada de errado com isso. Muitos lutadores saíram do UFC para fazer lutas mais fáceis, e não há nada errado com isso. Quando você chega a uma certa idade e um certo ponto da sua carreira e luta como a Cris hoje, se ali fosse a Amanda Nunes, era uma luta totalmente diferente. Não culpo por isso, não estou a criticando, mas são fatos. O fato é, eu farei a luta se ela quiser enfrentar Amanda, e Amanda quer a luta”.

Já a versão da brasileira é bastante diferente, incluindo acusações sérias de Bullying vindas não somente de Dana White mas também de Joe Rogan, o comentarista oficial do Ultimate:

– “Tenho muitos problemas com o UFC. Não quero reclamar de nada, mas tem muitas coisas que precisamos trabalhar. Todos sabem que não tenho um bom relacionamento com UFC, Dana White faz bullying comigo toda hora. Dizer que eu estava com medo e não queria enfrentar Amanda é uma mentira, e isso machuca a minha imagem. Não quero que machuquem minha imagem, quero alguém que trabalhe junto comigo. Minha filha quase brigou na escola por causa disso. Uma criança disse algo sobre mim, e eu disse para ela que não pode brigar, mas isso não é legal. As pessoas veem na mídia os outros dizendo besteira e dizem, “sua mãe tem um pênis!” Isso incomoda ela e me incomoda”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *